ARTe-S2 decora paredes da escola da “Prisão Escola” de Leiria

Galeria

Completou-se a segunda edição do intercâmbio de artes entre a ESFRL e o Strabrecht College, de Geldrop, na Holanda, no âmbito das atividades do Clube Europeu. Este ano, o ARTe-S2 (Arts Exchange – Sample 2) contou com a participação de 19 alunos da nossa escola e 19 alunos holandeses.

A primeira parte do intercâmbio, que teve lugar em Geldrop, na Holanda, entre os dias 10 e 18 de fevereiro, obedeceu ao desenvolvimen...to de projetos relacionados com a criação de objetos-lembrança. Como preparação para a execução dos projetos, foram realizadas visitas diversas, em Eindhoven: à loja Brandstore Eindhoven, que divulga e vende objetos relacionados com a marca Eindhoven; à Founded By All, uma cooperativa de empresas de design e tecnologia; à 3D Makerpoint, uma empresa que se dedica ao desenvolvimento de tecnologias de ponta relacionadas com o design e à St. Lucas School for Art & Design. Complementarmente, a visita de um dia a Amsterdão, permitiu aos nossos alunos desfrutarem do imensamente rico espólio artístico do Rijksmuseum.
A segunda parte do intercâmbio, que decorreu na nossa escola entre os dias 24 e 31 de março, debruçou-se sobre o tema «Viagens». Os alunos portugueses e holandeses conceberam seis pinturas murais das quais executaram seis telas alusivas ao tema, destinadas às paredes do pátio do edifício da escola do Estabelecimento Prisional de Leiria. Pais e familiares presentes durante a apresentação do projeto mostraram o seu orgulho e agrado perante os resultados.
O grupo de alunos portugueses e holandeses teve a oportunidade de participar numa visita às Caldas da Rainha, onde visitaram o Museu José Malhoa e a Fábrica Bordallo Pinheiro, e a Lisboa, onde se deslocaram ao Museu Nacional de Arte Antiga e ao Castelo de São Jorge, percorrendo Alfama e a Baixa Pombalina. Em Leiria, para além da visita de um pequeno grupo ao Estabelecimento Prisional de Leiria, os alunos puderam ainda procurar inspiração no Museu de Leiria e na visita ao Castelo. Para o desenvolvimento do projeto, no que diz respeito às visitas em Leiria e a parte do material artístico usado, pudemos contar com o apoio da CML, que agradecemos.