A Ciência e os Cientistas Portugueses

alunos do 11ºA e 11ºE assinalam o Dia Mundial da Ciência
que é também o Dia Nacional da Cultura Científica
24 novembro 2020

Vivemos num tempo de paradoxos! Se, por um lado, um certo número de pessoas se afastam da ciência para se refugiarem em superstições e teorias da conspiração onde os avanços científicos são vistos como uma ameaça à saúde e bem-estar, por outro lado a pandemia da COVID-19 tem mostrado quão importante é estarmos bem informados sobre os desenvolvimentos da ciência, de forma a comportarmo-nos em bloco para proteger os mais frágeis e vulneráveis.

2021CienciaECientistas

Ler mais...

Jovens Cientistas na ESFRL

--- divulgação de dois trabalhos investigativos em concurso na

14ª Mostra Nacional de Ciência VIRTUAL ---

Em outubro farão a apresentação virtual dos seus projetos de Biologia, junto da organização do concurso para jovens cientistas, da Fundação da Juventude. São dois grupos de alunos do 12ºE e foram orientados pela professora Dina Francisco.

Saber mais sobre os projetos ...

O Jurássico Superior hoje, ao pé de nós

--- divulgação de um trabalho científico feito por alunas do 11ºA ---

Nestes dias de confinamento arrumámos coisas, pastas e ideias, libertámo-nos de umas tantas e aconchegámo-nos a outras que, entretanto, adquiriram maior significado para nós. Experiências vividas na proximidade dos outros, sem o perigo de contágios que não fossem coisas boas, puderam nestes últimos meses ser recordadas de forma mais vivida, como se o passado quisesse ser olhado de novo para se tornar presente outra vez.

A escola não se faz apenas entre paredes e nos moldes convencionais. Aquilo que aprendemos, ouvindo e fazendo, fará sempre a diferença, ainda que, na altura, pareça que estamos apenas a divertir-nos. No verão, a Ciência Viva organiza saídas de campo, ações bem dispostas de divulgação científica dirigidas à população em geral. A Sara Alves participou numa dessas saídas em 2018 e, com a sua colega Margarida Vieira, usaram essa experiência passada como mote para uma investigação atual sobre os vestígios do Jurássico Superior numa zona de calcários situada entre S. Martinho do Porto e a Nazaré. Jazidas fossilíferas onde se observam marcas de ondulação (ripple marks) numa praia rasa jurássica, pegadas de dinossauros, construções recifais de rudistas e corais, vestígios da presença de bivalves, moluscos, gastrópodes, amonóides, estrelas e ouriços do mar, ilustram a História da Terra e da Vida numa altura em que o Homem não existia, nem animais que connosco se parecem ou que connosco mais se relacionam, como gatos, coelhos, porcos, cães, patos e periquitos.

Estes espaços têm um grande valor patrimonial, científico e cultural podendo servir de complemento ao turismo balnear se soubermos preservá-los, o que nem sempre parece estar a acontecer.

As fotos e comentários abaixo constam do trabalho das alunas e dizem respeito à área de estudo.

1920CCCArtigoJurassicoSuperior11A

(A) Pegada profunda de um Terópode (Sara ALVES, 2018). (B) Pegada em risco de meteorização e erosão (Sara ALVES, 2018). (C) Trilho composto por, pelo menos, 11 pegadas tridáctilas feitas por dinossauros com cerca de 1,60 m que se deslocavam a sensivelmente 9,8 km/h, uma velocidade considerada rápida para animais tão pequenos (in Portugal em Pedra). (D) Fósseis de gastrópode Turritella sp. (Sara ALVES, 2018).

Baseado no trabalho investigativo das autoras:

Alves, S.; Vieira, M. (2020). "Exploração sustentada das Jazidas Fossilíferas do

Jurássico Superior entre a Serra de Mangues e a Praia do Salgado". ESFRL.

Encontro Ciência '19

1819EncontroCiencia191

A ESFRL foi convidada e aceitou com orgulho abrir as sessões paralelas em duas salas e dois auditórios do Centro de Congressos de Lisboa, no decorrer do Encontro Ciência '19, no dia 9 de julho.
Foram apresentados dois projetos desenvolvidos por alunos do 12ºD, orientados pela professora Célia Simões em sessões dedicadas aos ODS (Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, na Agenda 2030) "Água Potável e Saneamento - ODS.6, "Cidades e Comunidades sustentáveis - ODS.11" e "Produção e Consumo sustentáveis - ODS.12".

1819EncontroCiencia192

A ESFRL agradece aos alunos finalistas o empenho e a elevação com que apresentaram os seus projetos, diante de uma plateia de peritos, investigadores e académicos das universidades e institutos do ensino superior do país e Reino Unido, país convidado.

O Encontro Ciência '19 é promovido pela Fundação para a Ciência e Tecnologia em colaboração com a Ciência Viva - Agência Nacional para a Cultura Científica e Tecnológica e pela Comissão Parlamentar de Educação e Ciência, tendo o apoio institucional através do Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. Destina-se a promover o debate alargado dos principais temas e desafios da agenda científica para além do universo da investigação.
Tem como principal objetivo estimular a participação e a interação entre investigadores, setor empresarial e público em geral.
Obrigada ao Ciência Viva pelo reconhecimento que este convite significou para a ESFRL. Foi uma honra para os nossos alunos e professores dos departamentos de ciências que, tanto neste ano letivo como nos anteriores, têm dedicado o seu tempo para o desenvolvimento de uma pedagogia de aprendizagem das ciências baseada em projetos, com criatividade, originalidade e espírito de aventura, por forma a dar resposta aos exigentes apelos da Agenda 2030 para a educação em Portugal.
Desejamos umas boas férias para todos e grandes voos para os nossos alunos finalistas!

COVID-19- Em Destaque